Notícia 22 de abril de 2019

Mobilidade urbana é tema de encontro na Região Metropolitana

Mobilidade urbana

 

 

O evento foi conduzido pelo coordenador do tema na Região Metropolitana, Marcus Vinicius.

Em sua 7ª edição, os Diálogos Metropolitanos  reuniu gestores, professores, pesquisadores estudantes e membros da sociedade civil organizada para discutir, nesta quarta-feira (17), o eixo mobilidade urbana nos 13 municípios que compõe a Região Metropolitana da Grande São Luís.

O evento foi realizado pela secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano em parceria com a Agência Executiva Metropolitana (Agem) e com o Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos do Maranhão (Imesc) e abordou sobre o eixo mobilidade urbana.

“O objetivo do diálogo é pensar a região como um todo e implementar políticas públicas que viabilizem avanços, infraestrutura e melhorias para a região. A mobilidade é o fator principal que interligará e integrará toda a região” ressalta o secretario da Secid, Rubens Pereira Júnior.

O evento foi conduzido pelo coordenador do eixo Mobilidade Urbana do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado da Grande São Luís, Marcus Vinicius, Engenheiro Civil formado pela Universidade Federal do Ceará em 1999 e mestre em Engenharia de Transportes pela mesma Universidade.

“A mobilidade é um dos pilares da gestão e hoje estamos discutimos o dia-dia das pessoas no foco metropolitano. Precisamos entender as carências, as dificuldades, e as potencialidades sobre o aspecto metropolitano. PDDI é o processo e está na finalização. O próximo passo será as audiências públicas e logo após seguiremos para as etapas, definição e planejamento das ações”, discorre, o coordenador Marcos Vinicius

“É de extrema importância, uma vez que, o diagnóstico aponta os pontos frágeis e os de estrangulamento nesse eixo de mobilidade urbana. É um momento onde os segmentos juntos debatem e conhecem o problema e apresentam as intervenções e propostas”, declara Livio Jonas, presidente da Agem.

O evento foi realizado no auditório da Secid que contou com a presença de gestores e lideranças dos municípios que integram a região, além de professores, pesquisadores, alunos das universidades Federal e Estadual do Maranhão, bem como estudantes das universidades Dom Bosco e Pitágoras.

Diálogos Metropolitanos são discussões sobre o Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado da Região Metropolitana da Grande São Luís (PDDI-RMGSL). Foi realizado no auditório da SECID, Já foram realizados sete encontros no total.

Região Metropolitana da Grande São Luís (RMGSL), regida pela Lei Complementar Estadual nº 174/2015, abrange 13 municípios: Alcântara, Axixá, Bacabeira, Cachoeira Grande, Icatu, Morros, Paço do Lumiar, Presidente Juscelino, Rosário, Raposa, São José de Ribamar, Santa Rita e São Luís. Com uma população de 1.590.138 habitantes, essa região ainda não possui instrumentos norteadores para o planejamento metropolitano integrado destes municípios.

O Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI), que visa construir um processo de planejamento metropolitano na RMGSL, envolvendo os municípios que a compõem, os órgãos de gestão municipal, estadual e federal, contando com o apoio da sociedade civil organizada em seus movimentos sociais, associações empresariais e populares.

Fonte: SECID